quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

"Não acomodar com o que incomoda..."

2011 foi um ano de "delícias nesse caos".
A única promessa de Ano Novo que eu vou fazer é mudar o que me incomoda, correr atrás dos meus objetivos, lutar pra ter força e saúde pra ir atrás do que eu realmente quero!
Sinto que é o ultimato, o agora ou nunca! Difícil? Muito! Mas "Eu quero, eu posso, eu consigo!"
Só quero paz... paz, serenidade e saúde, pra mim e para as pessoas que eu amo!
Um Feliz Ano Novo pra vocês!
Sucesso!
Tim-Tim =)


 "É chegado o dia em que a gente faz um monte de coisas pela última vez, e outras pela primeira. A gente promete deixar de fazer isso, passar a fazer aquilo, mudar, mudar, e mudar de novo. No entanto, esse ano eu vou tentar diferente. O que eu quero agora é dar continuidade. Eu quero tudo que eu já tenho, só que em quantidades maiores, muito maiores. Será que é pedir demais?

É chegado o dia em que a gente vai parar de fazer as coisas pela metade, para fazê-las de verdade. Não mais direi meias-palavras, muito menos acreditarei em meias-verdades. Eu quero a verdade por inteiro, e quero que ela seja dolorida, se tiver que ser, ou prazeirosa, ou como eu bem quiser - mas que seja de verdade! Eu quero conhecer as pessoas por completo, ir além da casca e, em suas almas, encontrar as ferramentas para curar as feridas da minha. Para que isso aconteça, vou me relacionar além da superfície, e ver que há algo por detrás dos olhos, e que o abraço não traz apenas calor. Que risquem dos dicionários a solidão. 

Quero conseguir ouvir mais do que palavras e arrancar sorrisos que contenham mais do que dentes e gengivas. Eu quero sorrisos nos olhos. Quero que o choro seja mais do que simples murmúrio e que as risadas me tragam a paz que eu preciso. Digo isso pois tenho certeza de que a alegria vai ser intensa, e as felicidades não caberão em mim, forçando-me a dividi-la com todos que fazem questão de viver ao meu redor.

E que o amor arrebate. E que seja forte, contagioso e incurável.Que venha o melhor ano de nossas vidas."
(Lucas - Fresno)

domingo, 11 de dezembro de 2011

"Porque aprendi, que a vida, apesar de bruta, é meio mágica. Dá sempre pra tirar um coelho da cartola."

Acho que é isso mesmo!
As vezes a gente fica meio encucada com tanta coisa ruim, vivendo naquele  baixo astral, que acaba atraindo tudo que não é bom, acaba virando esponja.
Tô numa vibe completamente diferente, só em busca de gente iluminada e que me faz bem, que fale coisas boas, que me acrescente, que me faça uma pessoa melhor, que faça a minha vida melhor.
Meu Ano Novo já começou, e estou cheia de planos... planos, não promessas!
Vem que vem 2012! Tim-Tim

"E muito pra mim é tão pouco
E pouco é um pouco demais
Viver tá me deixando louca
Não sei mais do que sou capaz
Gritando pra não ficar rouca
Em guerra lutando por paz
Muito pra mim é tão pouco
E pouco eu não quero mais..."

"É, o teu castigo
Brigou comigo
Sem ter porque
Eu vou festejar, vou festejar
O teu sofrer, o teu penar
Você pagou com traição
A quem sempre lhe deu a mão..."