sábado, 29 de novembro de 2014

Pitty me entenderia

Lembro do dia em que eu te disse, como na música Equalize da Pitty,  que até parecia que você tinha o meu manual de instruções, e você me disse no meio de risadas que tinha pego emprestado com a minha mãe. Mal sabia você que ela é uma pessoa que me conhece tão pouco. Talvez seja por isso que nossa história deu no que deu.
Nem sei se posso chamar de história, afinal, elas tem começo, meio e fim. A nossa por enquanto teve começo e meio, e no meio de tantas "delícias nesse caos", estou tentando colocar um ponto final.
Digo tentando porque vira e mexe entra um ponto de exclamação e uma reticência no meio do ponto final. Como ontem, no bar, quando começaram os primeiros acordes de Equalize e veio todo um filme na minha cabeça.
São muitas histórias, memórias, beijos ao som do mar, abraços em uma poltrona de veludo e muitas coisas pra recordar, mas, definitivamente, "eu não ficaria bem na sua estante".


Um comentário:

Camyli Alessandra disse...

Que bacana! Seja bem vinda ao retorno desse mundo crazy!!!
http://ladomilla.blogspot.com.br/